News

Série Quebrando tabus | Ferramenta Dissolver no QGIS

Olá pessoal,

É evidente e notável o crescimento do uso de software livre em geoprocessamento. Tanto em instituições privadas como em públicas.

Em organizações/instituições públicas, órgãos do Governo, gastam-se centenas de milhares de reais em softwares proprietários, muitas vezes por indicações de compra de seus próprios técnicos que muitas vezes desconhecem a potencialidade de software livre de SIG, visto que são condicionados a trabalharem desde cedo com softwares proprietários.

Para aprofundar mais os conhecimentos ou ter os primeiros contatos em software livre para as geotecnologias, indico a leitura da revista FOSSGIS Brasil, lançada recentemente e que está em sua 2ª Edição.

Seguindo a linha de raciocínio, farei uma série de postagens, denominada “Quebrando tabus: SL também faz!”, mostrando que ferramentas presentes em software proprietário (no caso o ArcGIS, que é mais utilizado) também estão disponíveis em software livre (neste caso Quantum GIS, ou QGIS) com a mesma eficiência!

Tempos atrás publiquei o tutorial da ferramenta Dissolve: agregação baseado em um atributo, no ArcGIS, e agora mostrarei mesma ferramenta, dessa no QGIS: Dissolver.

Essa ferramenta irá agregar feições com base em um mesmo atributo. Neste caso usaremos como exemplo o shapefile de limite municipal do estado da Bahia (faça o download do shape e acompanhe o tutorial) e iremos gerar um novo shapefile de Mesorregião deste estado. Obs.: para isto o atributo Mesorregião deve existir na tabela para cada município (Figura 1).

Figura 1. Tabela de atributos com campo Mesorregião
Para dar início ao processo, siga o caminho Vetor > Ferramentas de geoprocessamento > Dissolver (Figura 2)

Figura 2. Caminho da ferramenta Dissolver no QGIS
A janela “Dissolver” abrir-se-á (Figura 3). Em “Entrar com camada vetorial” selecione o layer/camada que será usado no processo Dissolver (caso queira dissolver limites selecionados, marque a opção “Usar apenas feições selecionadas”). Em “Dissolver a partir do campo”, selecione o atributo que será usado para agregação, neste caso a Mesorregião. Clique em “Buscar” e dê um nome e um destino ao novo arquivo que será gerado. Após isto, clique em OK.

Figura 3. Janela Dissolver do QGIS
Ocorrerá o processamento e o QGIS perguntará se desejas adicionar automaticamente este novo arquivo gerado. Clique em “Yes” (Figura 4).

Figura 4. Adicionar o novo shape a lista de camadas
Observe o resultado final na figura 5, abaixo (Antes: municípios do estado da Bahia; Depois: agregação por mesorregião):
Figura 5. Resultado da ferramenta Dissolver no QGIS
E então? Gostaram da Série "Quebrando Tabus: SL também faz!"? 

Deixem seus comentários!

Estamos concorrendo ao Prêmio TopBlog 2011vote aqui e ajude-nos!

Abraços e até a próxima.

Luís Lopes
--
Twitter: @geoluislopes
Skype: geo.luislopes

13 comentários:

andersonmedeiros disse...

Grande Luís!
Escelente iniciativa. Ficaremos aguardando a sequência da série.
Abraço e parabéns mais uma vez pelo tutorial.

geotecnologias disse...

Pô baiano,

Muito legal a iniciativa desta série de posts.

Parabéns!

Luís Lopes disse...

Fala meus amigos...

Como tinha escrito no twitter, a mudança de software proprietário para SL tem q ser gradativa. Nada empurrado "guela abaixo" é satisfatório!

Assim como muitos, tb estou passando por essa mudança...rs.

Mais postagens virão, sempre no comparativo, p mostrar a eficiência dos SL em geo.

Abraços,

Luís Lopes

Eliazer Kosciuk disse...

Parabéns pela iniciativa, Luís!

Espero que não te importes, mas tomei por base a tua postagem para analisar a mesma ferramenta em outro software livre, o gvSIG: http://geo.ideaplus.com.br/geoprocessamento/geoprocesso-dissolver-no-gvsig/

Eliazer

Luís Lopes disse...

Olá Eliazer,

Claro que não me importo!

Só reforçando, o QGIS foi só p início da série. Bom q no twitter deu uma repercussão boa e muita gente boa vai passar a colaborar em outros softwares livres.

Abraço,

Luís Lopes

ezrandrade disse...

Brilhante iniciativa. Concordo quando dizes que a mudança para SL tem de ser gradativa. Parabéns e sucesso nos próximos posts da série.
Um abraço forte.

Luís Lopes disse...

Olá Esdras,

A mudança vai ocorrendo aos poucos...

Obrigado pelo comentário e força!

Abraços
Luís Lopes

Ariel disse...

A mi me gusta mas el nombre que MapInfo usa para este proceso. "Combinar objetos usando una columna...", esto de disolver, lo heredamos del ArcView, me parece.

Luís Lopes disse...

Olá Ariel,

Isso mesmo!

A proposta da série, inicialmente, foi comparar com o software proprietário mais utilizado e difundido: ArcGIS. Por isso, o nome "Dissolve".

Obrigado pela visita e comentário!!

Abraço,

Luís Lopes

Fred disse...

Olá Luiz Lopes, tenho um shp do prodes 2011 e preciso dissolver so que este shp do prodes tem 635934 linhas rs. Nenhum softw de gis está conseguindo processa-lo vc tem alguma dica???

Abraço

Luís Lopes disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luís Lopes disse...

Olá Fred, 

Realmente trabalhar com muitas informações como PRODES é complicado. Trabalhei muito tempo com estes dados e resolvíamos traquilamente (e com bastante paciência) essa operação no TERRAVIEW.

O download pode ser feito gratuitamente no site do INPE.

Qualquer dúvida estou a disposição.

Abraço!

Anônimo disse...

Tem jeito de fazer com varios de uma unica vez?

Geotecnologias Luís Lopes Designed by Templateism.com Copyright © 2014

Imagens do modelo de Bim. Tecnologia do Blogger.